Ouvidoria 0800-642-4800

13 de Março 2018 Cresol Central SC/RS é uma das apoiadoras do Projeto de Formação Terra Solidária

Ocorreu nessa terça-feira (13/03) no auditório da Cresol Central SC/RS uma atividade de animação, apresentação e organização do Projeto de Formação Terra Solidária: Multiplicando Ações e Sujeitos Sociais. O mesmo tem como objetivo geral desenvolver a formação de lideranças, articulada às pautas da agricultura familiar, multiplicando ações, atores sociais no campo sindical da Fetraf/SC-CUT, cooperativista do Sistema Cresol Central SC/RS, Cresol Sicoper, Coperhaf, das cooperativas filiadas a Unicafes e Apaco.
    Já como objetivos específicos do projeto está o de qualificar lideranças comprometidas com a luta da Agricultura Familiar; qualificar sujeitos com a responsabilidade de multiplicar ações de formação; fomentar organização de base, visando o fortalecimento da Agricultura Familiar e suas organizações; promover a organização de grupos de base: mulheres, jovens, produção, formação; fomentar o projeto alternativo de desenvolvimento sustentável e solidário junto as comunidades e os agricultores familiares; oportunizar um processo formativo de lideranças para a disputa frente ao sistema político, econômico, social, cultural, ideológico, em que vivemos; problematizar os modos de organização, articulação e tecnologias, quanto aos novos processos que compreende as lutas da agricultura familiar; proporcionar um diálogo problematizador sobre gênero, etnia/raça, geração, orientação sexual e pessoas com deficiência; qualificar lideranças dirigentes conforme exigências do plano de sucessão da Cresol de acordo com a legislação e gestão cooperativista.
    Já estão definidas até o momento seis turmas para o projeto, formadas nos municípios de Dionísio Cerqueira, Pinhalzinho, Chapecó, Seara, Rio do Sul e Jaguaruna e suas respectivas regiões. O projeto está iniciando este mês e segue até 2019. A seleção dos participantes foi realizada através de editais lançados pela Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).
    Segundo o diretor-presidente da Cresol Central SC/RS, Rudemar Casagrande, a Cresol definiu em seu planejamento estratégico pela aproximação maior com as entidades para pensar pautas e demandas da agricultura familiar e esta meta se concretizou. Uma das ações é a parceria da Cresol Central no GT que integra as Entidades da Agricultura Familiar. “Essas entidades em conjunto entenderam a necessidade de realizar mais formação, inclusive para lideranças e futuras lideranças para que possam dar sequência aos nossos projetos. Daí a deliberação para concretizar o Projeto de Formação Terra Solidária”, destaca o diretor. “Preparar as novas lideranças para haver sucessão nessas entidades. Isso contribui também para a qualidade de vida da agricultura familiar, o que vem de encontro aos objetivos da Cresol Central que não preza somente pelo crédito, mas também pela qualidade de vida do associado”, finaliza Casagrande.     O diretor de Formação, Rivaldo Ferron, também destaca que é um projeto importantíssimo de formação de lideranças para trabalhar por uma sociedade mais justa.     Durante a atividade foi realizada uma dinâmica de apresentação dos alunos da turma, aonde falaram sobre suas expectativas quanto ao projeto. Além disso, o assessor da Fetraf, Neuri Alves, apresentou o projeto, o que é, objetivos, módulos, etapas, perfil dos multiplicandos, entre outras informações.

 


 

Fonte: Assessoria de Imprensa da Cresol Central SC/RS

Receba novidades por e-mail